OER-imgblog

Orquestra Experimental apresenta clássicos da música erudita

Posted on Posted in NOTÍCIAS

Espetáculo marca o encerramento da temporada 2017 dos Concertos Astra-Finamax

Após uma temporada diversificada, composta por apresentações de orquestras e solistas de renome nacional e internacional, que apresentaram obras da música erudita, latina antiga e até do jazz, chega ao fim mais uma edição dos Concertos Astra-Finamax. E para fechar com chave de ouro, o projeto, que conta com a produção executiva da Atique & Atique Produções Culturais, traz no dia 2 de dezembro, às 20h30, no Teatro Polytheama, a Orquestra Experimental de Repertório (OER).

Sob a regência do maestro Jamil Maluf, a orquestra é conhecida pelo seu repertório abrangente e diversificado, além de ser um dos principais corpos artísticos do Theatro Municipal de São Paulo. Composta por 100 instrumentistas a OER apresentará obras marcantes da música clássica, como a abertura da ópera “Norma”, de Vincenzo Bellini, e a envolvente “Suite Carmen”, de Bizet, baseada na ópera homônima e composta inclusive para castanholas na percussão.

“O repertório escolhido para o espetáculo é bastante variado, mas todas as peças são obras primas do repertório. Um concerto imperdível com os Blockbusters da música instrumental”, ressalta Vinícius Atique, um dos produtores culturais do projeto. “O público pode esperar o palco do Teatro Polytheama lotado e uma experiência sonora em estéreo”, afirma.

Os interessados em prestigiar o concerto podem adquirir ingressos a R$ 10,00 no Teatro Polytheama. Vale ressaltar que o total arrecadado na bilheteria dos Concertos Astra-Finamax será revertido à Fundação Casa da Cultura, ao Instituto Luiz Braille e ao Coral Infanto-Juvenil Pio X, todos de Jundiaí.

Palestra educativa

Além do espetáculo de encerramento, o público poderá participar da última palestra educativa da temporada, que será ministrada pelo musicólogo Daniel Motta. O encontro será realizado na Pinacoteca “Diógenes Duarte Paes”, às 19h, em Jundiaí, e pretende levantar aspectos técnicos e históricos das obras que serão apresentadas durante o concerto. Músicos, estudantes e apreciadores de música clássica estão convidados a participar do bate-papo.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *